Coaching funciona, revelam pesquisas

O coaching é uma metodologia comprovada que leva à alta performance. Um estudo realizado pela XEROX apontou perda de 87% das habilidades em treinamento, se não houver acompanhamento de um coaching (Business Wire, July 30, 2001). Mesmo que o treinamento tenha elevada qualidade, seus resultados ficarão comprometidos ano longo prazo na ausência de um programa de coaching.

Nos EUA, segundo o jornal Executive Chanel, mais de 40% dos executivos já passaram pelo processo de coaching. O método é tão difundido, que muitas empresas oferecem o serviço de um coach como benefício do cargo.

O coach não precisa ser um especialista na área do cliente ou no assunto do treinamento em que o cliente participou. Um estudo publicado no Public Personal Management Journal (F. Turner, Ph.D. CEO Refresher 2001)concluiu que, os executivos que participaram de um treinamento gerencial au mentaram em 24% sua produtividade. E aqueles que tiveram Coaching após este treinamento aumentaram sua produtividade em 88%. O coaching aumenta a sua produtividade, seja você um empresário executivo, profissional liberal, político, estudante, atleta ou de outras profissões.

O Training and Development Journal publicou um artigo mostrando a diferença de treinamentos seguidos de coaching e os que não são. As pessoas que participaram de treinamento, mas não receberam coaching com foco nos novos comportamentos ou idéias treinadas, a tendência é diminuir rapidamente a aplicação do que foi aprendido, até eventualmente voltar aos mesmos hábitos que tinha antes. As causas disso são:

  1. A tendência natural do cérebro humano a continuar a fazer o que já está neurologicamente programado.
  2. A natural ansiedade gerada pela tentativa de implementação de novos métodos ou hábitos.

O coaching ajuda em processos de mudanças de forma duradoura e efetiva, potencializa o aprendizado.

A revista Americana Entrepreuner magazine incluiu a profissão de coaching como uma das mais promissoras do mundo.

Segundo a Society for HR Mnagement, a kodak iniciou um programa de coaching focado no aumento da produtividade e retenção de 1000 funcionários em uma de suas unidades. O Retorno sobre Investimento – ROI superou a marca de dois dígitos.

O coaching é o processo de melhor custo-benefício hoje no mercado.

Um minucioso estudo pelo Guru Jack Philips (junho de 2002) em junho de 2002 demonstrou um ROI de 788% em um programa de Coaching.

Uma empresa incluída na lista Fortune 500 (Read research findings from Metrix Global LLC) publicou um estudo buscando calcular o ROI (retorno sobre investimento) de um programa de coaching para executivos. O resultado: o programa produziu um retorno sobre investimento de 529%, ou seja, um retorno de 5 vezes sobre o valor investido em coaching.

O estudo incluiu 100 executivos que receberam coaching. Metade desses executivos tinham entre 40 e 49 anos e 33% recebiam remuneração superior a U$$ 200,000 anuais.

A conclusão do estudo demonstrou que o programa de coachiong trouxe os seguintes benefícios:

  • Aumento de produtividade – 53% dos executivos
  • Organização (48%)
  • Retenção dos executivos que receberam coaching (32%)
  • Relacionamento entre reportes diretos (77%)
  • Trabalho em equipe (67%)
  • Relacionamento com os pares (63%)
  • Satisfação no trabalho (61%)
  • Resolução de conflitos (52%)
  • Comprometimento com a organização (44%)

A UCE/Origin Consulting Ltd. Realizou um levantamento em 2004 que foi apresentado no Congresso Internacional Coaching Federation no mesmo ano, onde os executivos que dele participaram indicaram os seguintes ganhos:

  • 79% desenvolveram capacidades individuais;
  • 70% melhoraram a performance individual;
  • 39% administraram mudança e transições

Quanto a demanda de coaching executivo verificou-se:

    • &8% relacionam-se com desenvolvimento de liderança;
    • 56% com solicitações individuais;
    • 28% com iniciativas estratégicas.

Fonte: Site você vencedor

 

 

Deixe sua Opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *